A Prática de Chikung Terapêutico em Contexto de Sala de Aula: Um fator de diferenciação no desempenho académico, no autocontrolo pessoal e na gestão de conflitos em Crianças do 1º Ano


      SITE FLICKR.COM Disponível em: https://www.flickr.com/photos/photosightfaces/31572084353 Visitado em: 25/05/2020


 Ler em Português      Read in English


Resumo: 

A intervenção através da prática de Chikung Terapêutico para Crianças, na área da Educação, em Portugal, ainda se encontra numa fase inicial, embora já tenham sido desenvolvidos alguns trabalhos de investigação, em Escolas Públicas do Ensino Básico. 
A síntese de literatura contempla quatro estudos, realizados neste domínio de investigação, e são descritos os seus principais resultados e conclusões. Esta síntese tem o propósito de contextualizar teórica e conceptualmente o estudo desenvolvido, pela autora, neste domínio de intervenção, durante o Estágio do 3º ano do Curso de Instrutores de Chikung Terapêutico, da Escola de Medicina Tradicional Chinesa, em Lisboa. 
O Estágio decorreu no ano letivo de 2018/2019, o ano em que se iniciou o processo de autonomia e de flexibilidade curricular, uma mudança do paradigma da Educação em Portugal, sendo pertinente fazer referência ao seu enquadramento legislativo.

     SITE: PIXABAY.COM Disponível em: https://pixabay.com/pt/photos/l%C3%A1pis-de-cor-livro-de-colorir-1445053/

Este estudo foi realizado numa Escola Básica Integrada da Rede Pública, do Concelho de Alenquer, tem caraterísticas de um estudo de caso de natureza exploratória, a unidade de observação foi constituída por 43 alunos do 1º ano do Ensino Básico. Como objetivo geral da intervenção foi colocada a seguinte questão de investigação: 
Será a prática de Chikung Terapêutico um fator de diferenciação no desempenho académico e autocontrolo pessoal/gestão de conflitos em Crianças, no contexto escolar do 1º Ciclo do Ensino Básico? 
Os métodos e materiais utilizados como instrumentos de recolha de dados, encontram-se descritos e incluem: o Desenho Espontâneo da Criança; a Grelha de Perfil Emocional; três subescalas do Questionário de Capacidades e de Dificuldades (SDQ-por)-Versão reduzida e o SubTeste de Dois Sinais. 

      SITE GOODFON.COM Disponível em: https://www.goodfon.com/wallpaper/deti-siluety-solnce.html Visitado em: 25/05/2020

Os resultados apontam no sentido de que, a prática de Chikung Terapêutico, no contexto escolar do 1º Ciclo, parece ter contribuído para a diminuição da percentagem de alunos, com problemas de comportamento, promovendo o autocontrolo pessoal e a gestão de conflitos. A diminuição de indicadores de hiperatividade, que têm repercussões ao nível da capacidade de aprendizagem, podem contribuir para uma melhoria do sucesso académico dos alunos. 
O artigo conclui com um conjunto de considerações e reflexões finais relativas à continuação da investigação, em práticas inovadoras na educação em Portugal e, em particular à contribuição que o Chikung Terapêutico pode desempenhar na melhoria das aprendizagens.


* Artigo escrito por Carla Silva, traduzido por Paula Madeira e Joana Freches Duque, publicado e paginado por Joana Freches Duque.

www.chikung-terapeutico.com

www.esmtc.pt

www.healing-project.com


Comentários

Mensagens populares